Páginas

quarta-feira, 16 de março de 2016

Sinto sua falta



É, eu sinto falta de você. Mas a vida é assim mesmo. Com caminhos que nem sempre combinam, mas que cada um tem que tomar. E mesmo assim, eu sinto a sua falta. 
A vida continuou, seguiu seu rumo normal e você continuou aqui, dentro de mim. 
Você sempre aparece, seja através de um sorriso, de algum filme, de alguma palavra que você sempre dizia ou de uma música. Música.. aquela música não sai da minha cabeça, fica aqui, só na parte principal dela, aquela parte que falávamos quando algo não ia bem. 
Eu sei que você não sabe, mas eu continuo torcendo por você. E dá uma vontade de te ligar, ouvir sua voz... Tem dias, que a única coisa que me faria bem, era ficar horas e horas de papo com você, falando sobre qualquer coisa. É que eu gostava de ter você ali comigo. 
Nós não escolhemos a quem amar. Acontece. E é bem provável, que eu não fosse te escolher. Mas aí, a mágica do amor acontece pronto: você tá gostando da pessoa.
Foi gostoso, sabe? Por isso sinto tanto a sua falta. 
Talvez um dia, nós nos esbarramos na rua e iremos conversar sobre a vida, sobre os rumos que cada um tomou. 
Você foi capítulo extraordinário na minha vida. 
Que na próxima vida, o destino nos ajude e tenhamos uma vida juntos. 





Nenhum comentário:

Postar um comentário